FAZENDO DO SIM UM MANTRA

 

 

         Quando:  Todas as noites, antes de dormir, por pelo menos 10  minutos;  então, novamente, a primeira coisa da manhã, por pelo menos 3 minutos. Também durante o dia, quando quer que você se sinta negativo, sente-se  e faça isso.

 

 

            Comece a colocar sua energia no sim, faça do sim um mantra.  Sente-se na sua cama, comece a repetir “Sim...sim...sim...”    Entre em sintonia com ele.   Primeiro você estará apenas repetindo e, então, comece a senti-lo.  Comece  a  se balançar com ele,   permita que ele se espalhe por todo o seu ser,   da cabeça aos dedos dos pés. Deixe que ele o penetre profundamente.

            Se você não puder dizê-lo alto, pelo menos silenciosamente diga: “Sim...sim...sim...!”

 

 (OSHO, The sun Behind the Sun, Behind the Sun,

apud Ma Prem Maneesha, The Law of Magic)

 

 

 Sobre a energia do sim

 

“A vida não pode ser vivida através do não e aqueles que tentam viver a vida através do não, simplesmente vão perdendo a vida. A pessoa não pode fazer uma morada do não,

porque o não é simplesmente vazio. O não é como a escuridão. A escuridão não tem existência real; ela é simplesmente a ausência de luz. É por isso que você não pode fazer nada com a escuridão diretamente. Você não pode empurrá-la para fora do quarto, você não pode atirá-la  para dentro da casa do vizinho;

você não pode trazer mais escuridão para dentro da sua casa.

Nada pode ser feito diretamente com a escuridão, porque ela não tem existência real.

Se você quiser fazer algo com a escuridão, apague a luz; se você não quiser a escuridão, acenda a luz. Mas tudo que você tiver que fazer terá de ser feito com a luz.

            Exatamente do mesmo modo, o sim é luz, o não é escuridão.

Se você quiser fazer alguma coisa em sua vida, você tem de aprender os caminhos do sim.

E o sim é tremendamente belo. Simplesmente dizê-lo é tão relaxante! Deixe-o tornar-se seu estilo de vida. Diga sim às árvores e aos pássaros e às pessoas, e você ficará surpreso:

a vida se torna uma benção se você souber dizer sim. A vida se torna uma aventura.”

 

(OSHO, Zoba the Buddha,  # 5)